sexta-feira, 13 de maio de 2011

Muito barulho por nada - Profissão Repórter "polêmico"

Segundo a produção do programa, a edição do Profissão Repórter desta semana foi a que mais causou furor nas redes sociais da Internet. Um dos motivos foram os Twitteiros paraenses revoltados com a inclusão da banda Djavú numa suposta matéria sobre tecnobrega. Outro motivo foram as comemorações dos fãs que celebraram a aparição da banda Garota Safada no programa, levando o cantor Wesley Safadão aos Top Trends - expressões mais comentadas no Twitter - por mais de onze horas seguidas. Bobagem, em ambos os casos.

No primeiro caso, o da banda Djavú, o foco nem era o tecnobrega, mas detalhes peculiares envolvendo a banda, dando ênfase justamente no racha de seus membros, que originou a existência de duas bandas Djavús, como o mesmo nome, mesmo visual e mesmas músicas. Mais do que ficarem ofendidos com a produção do programa, os paraenses deveriam comemorar o fato de que o destino encarregou-se de castigar a banda, que se apropriou de músicas parenses para fazerem sucesso. Venceram copiando? Pois agora chafurdem na lama e morram ingerindo seu próprio veneno, copiando a si mesmos. Se você não conhece a história do roubo de músicas cometido pela Djavu, leia o Watergate do Tecnobrega.



Já o caso da Garota Safada, foi um exagero os fãs comemorarem a presença de Wesley Safadão nos Top Trends . A banda era mera figurante da matéria, tanto quanto a Solteirões do Forró. As estrelas da repostagem os gravadores de shows Junior Moral, Stênio CDs e Henrique CDs. Destaque mesmo foi quando a Garota Safada tocou durante quase vinte minutos ao vivo no Domingão do Faustão, aquilo sim foi a consagração. Talvez toda a agitação dos fãs se deva à atual richa da banda com os Aviões do Forró, que já tão grande que existe uma comunidade no Orkut com quase trinta mil membros, onde o principal foco é a competição e que é mais atualizada que as comunidades oficiais das duas bandas.

Inclusive, para quem quiser se informar do que acontece envolvendo as bandas, essa é a comuidade certa, porque as oficiais procuram esconder temas mais espinhosos, como a resente caso de uma mensagem no Twitter da cantora da Garota Safada, Marcia Felipe. Em seu microblog ela jogou mais gasolina na fogueira da disputa entre as bandas publicando a seguinte frase: "Eu jah vi #GAROTA parar o tranzito, mais derrubar #AVIÃO é a primeira vez. Aceita pai " A declaração despertou a ira dos fãs dos Aviões do Forró e causou desconforto até ente os próprios fãs da Garota Safada. O fato não foi comentado nas comunidades oficiais.



No frigir dos ovos - e Deus queira que eu esteja certo - talvez a agitação causada nas redes sociais seja uma lição para os diretores de jornalismo da grande mídia. A lição de que existe uma realidade aqui fora que eles não podem mais ignorar. Porque fazer uma matéria sobre a Djavu sem levar em conta que eles fizeram sucesso roubando música, é de uma ignorância crassa. Até o racha interno eles só foram descobrir durante a realização da reportagem, através de um e-mail que o cantor Geanderson mandou para o Caco Barcelos.

Nem o que programa trouxe de mais "novo" e que surpreendeu muita gente a ponto de cunharem a expressão "Nova Estratégia do Marketing do Alô" é tão novo. Embora não tenha citado essa forma dos gravadores de shows, eu já falei deles a mais de dois anos atrás no extinto site Bis MTV. O original não está mais disponível, mas o distinto frequentador pode ler a matéria em cache clicando aqui.

Que uma renovação da visão da cultura brasileira REAL ocorra o quanto antes, que a grande mídia abra os olhos para a produção cultural riquíssima que atualmente está sendo produzida no Brasil, sob o risco de que quando a copa do mundo chegar, seje apresentados aos gringos como produtores culturais nomes como Chico César, Alceu Valença e Preta Gil...

1 comentários:

muito bom post Timpin!

parabens

Postar um comentário

Solta o verbo!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More